ONG de Ibiúna lança campanha para construir abrigo de cães


Nesta terça, 4 de outubro, é festejado o Dia Mundial dos Animais. Existem no Brasil hoje 52 milhões de cães e 22 milhões de gatos, segundo a Pesquisa Nacional de Saúde de 2013, feita pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Mas será que esses números são motivo de comemoração? Dados da OMS (Organização Mundial da Saúde) apontam que há no país 30 milhões de animais abandonados. Maltratar, abusar e abandonar animais são crimes previstos na Lei de Crimes Ambientais 9.605, de 12 de fevereiro de 1998. As penas variam de 3 meses a 1 ano de prisão, além de multa.

Para ajudar a diminuir esse problema, a Associação MaxMello de Amparo à Vida Animal cuida de cerca de 400 cães e gatos abandonados em um sítio de 1.000 m², no Morro Grande, em Ibiúna. No entanto, passados 12 anos, o local tornou-se pequeno para acomodar e cuidar adequadamente de tantos bichos. Sendo assim, a entidade já adquiriu via doação um terreno de 30.000 m² em Piedade para construir um novo abrigo e agora lançou uma campanha para arrecadar fundos. “Transferimos para lá alguns dos 358 cães abrigados e protegidos por nós e alguns gatos, para os quais, conseguimos construir um gatil improvisado. Mas, a distância entre um sítio e outro é de 40 km e isso está tornando cada vez mais difícil cuidar de todos ao mesmo tempo. Lá, pretendemos construir 50 canis, um gatil e toda a infraestrutura para acolher animais que sofreram maus-tratos e merecem uma vida melhor”, diz Sandra Guilarducci, dona da ONG.

Animais acolhidos pela entidade no sítio no Morro Grande

Animais acolhidos pela entidade no sítio no Morro Grande

A campanha, que fica no ar até o dia 12 de outubro, arrecadou até agora apenas 2% do valor solicitado de R$ 950 mil. Mas todos podem ajudar: as doações começam em R$ 10 e podem ser feitas através do site: https://www.kickante.com.br/campanhas/maxmello-construcao-de-santuario-para-animais . Ou diretamente na conta da entidade: CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, Agência 0800, Cód. Operacional 003, Conta Corrente 692-4, CNPJ 16.729.925/0001-08.

Cada animal abrigado na Maxmello recebe um nome e atendem pelo nome. São animais felizes, que brincam e interagem bem uns com os outros o tempo todo. “Infelizmente, estamos tendo grandes problemas com a distância por causa das medicações, em socorrer animais para veterinários e, principalmente, no contato direto e diário que precisamos ter com cada um deles. Quando nos chega um animal que precisa de cuidados muito intensivos e atenção redobrada, fica quase impossível cuidarmos dele como deveria, por causa da distância”, explicou Sandra.

Terreno em Piedade onde a entidade pretende construir um Santuário para animais abandonados

Terreno em Piedade onde a entidade pretende construir um Santuário para animais abandonados

O objetivo é transformar a Maxmello em um Santuário para animais que sofreram maus tratos e que carregam sequelas físicas como mutilações, deformações e cicatrizes, bem como os que tiveram traumas profundos que lhes renderam problemas neurológicos, precisando de medicamentos enquanto viverem.

Reconhecimento nacional

A entidade ficou nacionalmente conhecida por lançar um vídeo no Youtube de uma cadela vítima de maus-tratos, que ganhou ‘um dia de carinho’. O filme virou hit na internet e já emocionou milhares de pessoas: https://www.youtube.com/watch?v=3fQW6_MT6ek .

O canil em Ibiúna já recebeu até a visita do cantor Luan Santana, que esteve no local gravando um vídeo documentário. E, mais recentemente, por uma parceria inédita fechada contratualmente com a empresa Pedigree, que fornece como doação 5 toneladas por mês de ração para os animais.

Cadela acolhida pela entidade com Luan Santana no Programa da Ana Maria Braga

Cadela acolhida pela entidade com Luan Santana no Programa da Ana Maria Braga

wordpress plugins and themes automotive,business,crime,health,life,politics,science,technology,travel

Jornal do Povo | Escrito por:

Redação
Redação

Com seriedade e dinamismo, a nossa equipe procura fazer jornalismo de verdade, no qual a ética e a responsabilidade em divulgar os principais assuntos de interesse público são nossos principais objetivos.

Deixe seu Comentário