Empresários assinam protocolo para construção de aeroporto


Empresários assinam protocolo juntamente com o Dep. Arnaldo Faria de Sá, Coiti, Paulinho da Saúde e sec. Alexandre Teramae

Agora é oficial: o prefeito Coiti Muramatsu (PSDB) e o secretário Municipal de Governo Paulinho da Saúde assinaram ontem (22) um Protocolo de Intenções para construção de um aeroporto em Ibiúna. O documento foi assinado com a empresa Eiko Engenharia e Instalações Ltda, que se comprometeu em investir mais de meio Bilhão (R$ 500 milhões) no empreendimento que irá mudar a história do município. A empresa é a mesma que está realizando a ampliação do Aeroporto de Guarulhos e outras obras do setor.  Os investidores terão sessenta dias para apresentarem o Projeto Técnico de Viabilização. Como divulgou com exclusividade o Jornal do Povo na edição do dia 2 de março, diversos investidores vinham negociando a realização de tal obra.
Além do aeroporto, o protocolo prevê a construção de um shopping, uma rodoviária, uma faculdade, um polo industrial, duas torres residenciais e um porto seco em uma área de 1.515.000 m², localizada na Rodovia Bunjiro Nakao, Km 59,5 – bairro Votorantim. O terreno foi recentemente declarado pela Prefeitura de Ibiúna como Área de Interesse Social e Utilidade Pública. Na sexta-feira (2) um helicóptero sobrevoou a cidade identificando as áreas para investimento. Um avião comercial também realizou um sobrevoo rasante para verificar as condições do local escolhido para a pista.

Secretário Paulinho da Saúde explica aos investidores os trâmites do projeto que irá mudar a história de Ibiúna

O Protocolo foi assinado no escritório do Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá (PTB), que também participou da reunião e está apoiando e intercedendo junto aos órgãos governamentais para construção do aeroporto.
O prefeito Coiti Muramatsu (PSDB) destacou que uma construção como esta muda a história de Ibiúna. “Nosso município será reconhecido mundialmente. Se tudo der certo e o aeroporto virar realidade, conseguiremos muitos benefícios, um deles poderá ser a duplicação da Bunjiro Nakao, que há muito tempo estamos lutando”.
Paulinho da Saúde ressaltou que as negociações foram intensas e que fez questão de incluir no Protocolo que a maior parte da mão de obra utilizada tanto durante as obras e depois nas instalações seja composta por ibiunenses. “Serão milhares de empregos que irão mudar a realidade de Ibiúna. Já estamos negociando também a vinda de uma Escola Técnica Federal para preparar nossa população para o trabalho em tais empreendimentos. O sonho está cada vez mais perto de se tornar realidade”, destacou o secretário.

Reunião com os investidores aconteceu no escritório do Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá

Aeroporto de São Roque
Alguns boatos de que Ibiúna perdeu o aeroporto para São Roque estão sendo comentados no município, no entanto existe uma diferença grande entre eles. O de São Roque é um complexo comercial que inclui pista de pouso para aviões particulares. Lá será apenas para pouso, decolagem e hangaragens de aviões particulares, portanto, não será voltado ao uso público de passageiros. “Em São Roque está sendo construído um condomínio para milionários, com shoppings, residências e, inclusive, o aeroporto para os frequentadores dele. No nosso caso, a pretensão é um aeroporto maior, que receberá aeronaves de pequeno, médio e grande porte. O projeto é diferente e um não interfere no outro. Ambos gerarão emprego e renda”, explicou Paulinho da Saúde.

 

 

Prefeito Coiti, Deputado Arnaldo Faria de Sá, Paulinho da Saúde, Alexandre Teramae e empresários exibem o Protocolo de Intenções para construção do aeroporto de Ibiúna

wordpress plugins and themes automotive,business,crime,health,life,politics,science,technology,travel

15 Comentários

  1. thiago disse:

    É muito estranho o fato de só o Jornal do Povo estar noticiando tal fato, A pista de SR é de uso privado e ganhou até reportagem no estadão, a propósta de Ibiúna parece ser muito maior e ninguém fala nada, a não ser este jornal, quero muito que este projeto aconteça mas do jeito que tá a coisa parece q é só jogada pra ganhar votos.

    • eduardo moreira disse:

      concordo com vc! se tratando de um projeto que vai mudar a cidade, pq grandes veiculos de comunicação, com todo respeito ao JP, não publicaram nada a respeito? o aeroporto me parece ser de muita importancia para os problemas que a aviação brasileira passa…

    • Cmte Felipe disse:

      Caro Thiago, Você esta enganado. Tal noticia já havia circulado no jornal o Globo na semana passada. Pesquise na Internet e encontrara varias matérias falando sobre o assunto. Quanto ao jornal do povo, trata-se de meio de comunicação idôneo, sem fins políticos que apenas se preocupa e transmitir a verdade a seus leitores.

  2. Cmte Felipe disse:

    Parabéns Ibiúna!

    Foi mais que merecedor!

    Este acordo eh dedicado para aqueles que não acreditam, e não querem o desenvolvimento do município. Agora eh hora de mudar nossa historia!
    Parabéns ao Secretario Paulinho e ao Sr. Prefeito pelo empenho! Ibiúna precisa crescer.

  3. Edson Weslley disse:

    Espero que tudo ocorra certo !

  4. Fabio Silva disse:

    Parabens Ibiuna na vanguarda do interior…

  5. Paulo disse:

    E o barulho?

  6. anonimo disse:

    Procurei a construtora no google e não achei nada, sera que é verdade, alguem acredita em papai noel?

  7. fabio disse:

    Dinheiro eu tenho certeza que virá para a construção do aeroporto, más duvido que seja construído alguma coisa, somente irá engordar a conta bancária dessa corja de vagabundos que tem em Ibiúna.

  8. Vicente disse:

    Sonho, intenções e quando este fato se tornará realidade?
    A mais de 10 anos existe a intenção da duplicação da Bunjiro e até agora nada, como também já foram assinados vários documentos da ligação pela estrada do Verava Furnas – Juquitiba e até agora nada, é estranho também que em um empreendimento desse porte estejam apenas o Prefeito, Paulinho da SAÚDE e Arnaldo Faria da aposentadoria de Sá e uns empresários esquesitos sem renome e assinar documentos no escritório político do deputado, nenhuma autoridade FEDERAL, nenhum representante da AERONÁUTICA, torço por Ibiúna pois a população sofrida vai agradecer pelas benfeitorias que virão e pelos benefícios que o povo até hoje não tem como SAÚDE, SANEAMENTO, ESTRADAS E TRANSPORTE PÚBLICO que hoje é uma calamidade para nós habitantes de Ibiúna. DEUS QUEIRA QUE SEJA VERDADE.

  9. Renata disse:

    Estou há dois anos em Ibiuna, percebi que falta muito emprego na cidade. Fiquei desempregada e tive que correr para municípios vizinhos. Tomara que de certo este aeroporto. Com isso geramos empregos, claro com prioridade para o povo Ibiunense.. Pois é uma pouca vergonha uma cidade Turistica não ter emprego para o pessoal.
    A noticia esta REVISTA ISTOÉ… uma revista séria, que provavelmente não iria mentir com informações tão importantes.Enfim, torcer para dar certo.

    Abraços a todos… Sonhar não paga nada!!!

  10. Renata disse:

    Estou há dois anos em Ibiuna, percebi que falta muito emprego na cidade. Fiquei desempregada e tive que correr para municípios vizinhos. Tomara que de certo este aeroporto. Com isso geramos empregos, claro com prioridade para o povo Ibiunense.. Pois é uma pouca vergonha uma cidade Turistica não ter emprego para o pessoal.
    A noticia esta REVISTA ISTOÉ… uma revista séria, que provavelmente não iria mentir com informações tão importantes.Enfim, torcer para dar certo.
    Abraços a todos… Sonhar não paga nada!!!

  11. Fernanda disse:

    Sou de São Bernardo do Campo e adoro Ibiuna, espero que de tudo certo. E que melhorem a estrada, pois achei péssima para chegar ate a cidade.

  12. luis henrique disse:

    essas area que querem contruir o aeroporto tem dono e esta
    documentada no cartorio de registros publico de são roque
    é fazenda mombaça pelo que consta tem mais de 5 mil alqueires de terra isso ja vem desde quando ibiuna pertencia a são roque e é da familia de joão pires da silva
    que tem herdeiros atualmente selmi ferreira da silva e mais 60 familias que receberam como credito trabalhista no processo 036/95 vara do trabalho de são roque que vão preitear a posse dessas area na justiça por direito adquirido

Deixe seu Comentário